Vilafranquense afasta Penafiel

Um golo solitário de Luís Pinto, a 10 minutos do final, permitiu ao Vilafranquense vencer o Penafiel por 1-0 e apurar-se para a terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol

O golo do médio, aos 79 minutos, foi suficiente para colocar a equipa do Campeonato de Portugal na ronda seguinte, perante um oponente que alinha na II Liga e que esta época continua sem saber o que é vencer fora do seu reduto.

Contudo, a diferença de escalões pouco ou nada se notou no encontro, sendo que, inclusive, foi a formação do Campeonato de Portugal que andou sempre mais próxima da baliza adversária, obrigando o guarda-redes José Costa a aplicar-se.

O Penafiel até ameaçou numa fase inicial, não fosse o experiente Carlos Fernandes opor-se ao remate de Caetano, naquela que foi a única oportunidade criada pelos visitantes no primeiro tempo.

Luquinhas e Pedro Correia tentaram desfazer o nulo, mas José Costa anulou as tentativas do Vilafranquense, o mesmo sucedendo no arranque da segunda parte, quando Luquinhas teve nos pés a melhor ocasião da partida, mas não conseguiu ultrapassar a oposição do guardião.

A ténue resposta dos penafidelenses surgiu dos pés de Gustavo, mas, depois de tanto insistir, foi a formação de Vila Franca que chegou mesmo ao golo, num livre direto superiormente executado por Luís Pinto, à entrava para os últimos 10 minutos.

Perante a desvantagem, o técnico António Conceição arriscou na procura do golo, lançando o avançado Fábio Fortes, mas de nada lhe valeu, já que o Vilafranquense continuou a mostrar-se perigoso e acabou mesmo por carimbar a passagem à próxima fase.

Jogo realizado no Campo do Cevadeiro, em Vila Franca de Xira.

Vilafranquense – Penafiel, 1-0.

Ao intervalo: 0-0.

Marcador:

1-0, Luís Pinto, 79 minutos.

Equipas:

– Vilafranquense: Carlos Fernandes, Rúben Freitas, Denis Martins, João Freitas, Pedro Correia, David Moura, Balu (Yarchuk, 63), Luquinhas (Gonçalo Gregório, 90+2), Luís Pinto, Ragner (Miguel Lourenço, 84) e Marocas.

(Suplentes: Rodrigo, Charles Monteiro, Gonçalo Gregório, Yarchuk, Miguel Lourenço, Bernardo Carlos e Danny).

Treinador: Filipe Coelho.

– Penafiel: José Costa, Kalindi, Luís Pedro, Diouf, Daniel Martins (Fábio Fortes, 81), Tiago Ronaldo, Romeu Ribeiro, Ludovic (Danilo Alves, 76), Gustavo (Gleison, 69), Caetano e Fábio Abreu.

(Suplentes: Tiago Rocha, Luís Dias, Danilo Alves, Rafa Sousa, Vasco Braga, Gleison e Fábio Fortes).

Treinador: António Conceição.

Árbitro: Bruno Paixão (AF Setúbal).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Daniel Martins (18), João Freitas (29) e Yarchuk (90+1).

Assistência: cerca de 700 espetadores.

Fonte : DN