Secretária de Estado da Inclusão visita Escola D. António de Ataíde

2016102508
Ana Sofia Antunes ficou rendida à dedicação dos docentes e à alegria dos alunos que conheceu.

Luís Gonçalves, de 13 anos, usa uma cadeira de rodas e tinha coisas para dizer – mas sobretudo para pedir – à secretária de Estado da Inclusão das Pessoas com Deficiência: uma rampa para poder deslocar-se para o campo de futebol mais facilmente, melhores condições para estar no recreio, com os meninos, a brincar. “São os colegas que o ajudam. Mas às vezes é complicado subir a rampa. A cadeira é pesada”, diz a professora Raquel Oliveira.

A turma é o 7º E, da Escola Básica D. António de Ataíde, em Castanheira do Ribatejo, que compreende os 1º, 2º e 3º ciclos. O Luís tem ainda estrabismo e não consegue ler nem escrever. Seria essencial que pudesse ter acesso a um tablet especial para que pudesse acompanhar melhor as aulas. A escola foi visitada pela secretária de Estado Ana Sofia Antunes na sexta-feira, 21 de Outubro.

Na mesma sala do Luís, há outro colega, o Ricardo, que às vezes também usa cadeira de rodas. Envergonhados, os alunos pareciam não ter muito para dizer àquela senhora loira e alta, com um cargo no Governo, e que trazia consigo uma bengala de cor rosa. A professora ajudou. Afinal, as crianças até tinham preparado tudo e feito uma lista: “Há muitas escadas no recinto escolar – são necessárias mais rampas” e as rampas que existem são de terra e têm muitos buracos que dificultam a passagem das cadeiras de rodas.

Ana Sofia Antunes ouviu atentamente e respondeu, sem tiques de discurso político, mas fez promessas: “Sabes Luís, tenho as minhas funções no Governo e existem coisas que estás a pedir que não são da minha responsabilidade. Essas obras que são necessárias são da competência do Ministério da Educação, mas prometo que falarei sobre o que me pediram para que possam ter mais condições”.

Fonte : O Mirante