Brandão Rodrigues contrata mais seis mil professores e reduz horários zero para 190

2016091701

O Ministério da Educação contratou hoje mais 5987 professores e reduziu para 190 os horários zero, docentes dos quadros sem turma atribuída.

Um dia depois do arranque do ano letivo, foi realizada a segunda reserva de recrutamento (mini-concurso de colocações) através da qual foram reduzidos os horários zero. Numa semana os professores dos quadros sem turma atribuida passaram dos 667 para os 190.Um número que o Ministério da Educação diz ser “inédito para esta altura do ano” e que representa menos de metade face ao ano passado, quando na mesma altura havia 400 horários zero.

Além da colocação de professores do quadro, a tutela contratou  mais 5987 professores, dos quais “mais de três mil dizem respeito a substituições temporárias”, baixas médicas, dispensas por amamentação ou baixas de parentalidade.

Também aqui a tutela de Tiago Brandão Rodrigues diz que o número de contratações é “superior ao do ano passado”.

Os horários a concurso nesta reserva de recrutamento foram pedidos pelas escolas até 13 de setembro. Nas colocações foi dada prioridade aos professores dos quadros em horário zero, seguindo-se as contratações.

Os professores hoje colocados têm 48 horas para aceitar o horário na plataforma da Direção Geral da Administração Escolar.

Fonte : Jornal i