“Vila Franca de Xira está a deixar de ser uma terra dinâmica”

2016052305Leonor Teles, que venceu Urso de Ouro em Berlim, recebeu medalha de valor cultural.

A cidade de Vila Franca de Xira tem muitas virtudes mas é preciso não deixar morrer as coisas boas que ainda tem.

A opinião é da jovem cineasta Leonor Teles, vencedora do Urso de Ouro do último festival de cinema de Berlim na categoria de curtas-metragens. Leonor nasceu e ainda vive em em Vila Franca de Xira.

“Ultimamente tenho passado mais tempo em Lisboa do que cá mas Vila Franca de Xira ainda vai tendo algumas coisas boas. Mas está sem vida nenhuma, as coisas fecham todas às oito da noite e não se passa mais nada. Antigamente a cidade era muito mais activa, havia mais actividades e oportunidades, era uma terra mais dinâmica”, lamenta a O MIRANTE.

A cineasta, de 24 anos, confessa-se de poucas palavras e falava à margem da cerimónia pública onde recebeu a medalha de valor cultural dourada atribuída pela câmara municipal. Câmara que, quando Leonor precisou de apoio, lhe fechou a porta.

“A junta de freguesia sempre me apoiou, mesmo quando precisei de um auxílio para ir a França aquando do meu primeiro filme [“Rhoma Acans”]. Deles não tenho motivos de queixa e sempre se mostraram muito receptivos antes dos ursos e dos sapos. À câmara só pedi uma vez e a resposta foi negativa, vamos ver como será no futuro”, confessa.

Fonte : O Mirante