Utentes de Vila Franca de Xira pedem fim das portagens na A1

2016041901Um grupo de utentes de Vila Franca de Xira realizou hoje de manhã um buzinão para exigir a abolição de portagens no concelho, servido pela A1, e a construção de mais ligações de acesso àquela autoestrada.

A ação de protesto foi organizada pela Comissão de Utentes pela Abolição das Portagens no concelho de Vila Franca de Xira e teve a adesão de cerca de meia centena de automobilistas, segundo disse à agência Lusa o porta-voz do movimento, Carlos Braga.

“Fazemos um balanço positivo, porque as pessoas perceberam que é uma reivindicação justa. Entendemos que não faz sentido que as pessoas no concelho não possam circular na autoestrada em toda a sua extensão e que cheguem a Alverca e tenham de sair para não pagar portagem”, argumentou.

Atualmente, o concelho de Vila Franca de Xira, distrito de Lisboa, apresenta dois troços da A1, um deles não portajado (Lisboa – Alverca) e outro pago (Alverca – Vila Franca de Xira).

Carlos Braga adiantou que a comissão pretende entregar no dia 20 de maio na Assembleia da República uma petição que exige a abolição das portagens em Vila Franca de Xira, contando neste momento com perto de 3.500 assinaturas.

Além da abolição das portagens no concelho, a comissão de utentes pretende, também, que sejam construídos os nós do Sobralinho e da estrada dos Caniços, em Vialonga, ligando também estas duas localidades à A1.

Recentemente, em declarações à Lusa, o presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, Alberto Mesquita, admitiu a necessidade de serem abolidas as portagens no concelho e de serem construídos mais nós de ligação à autoestrada.

Fonte : Notícias ao Minuto