Dia do Livro Infantil tem ‘Muitas culturas e uma só história’

A ideia de que as histórias para crianças têm todas algo em comum, mesmo que sejam narradas em línguas e culturas diferentes, domina este ano o Dia Internacional do Livro infantil, que se assinala a 2 de abril.

Todos os anos o Conselho Internacional sobre Literatura para os Jovens (IBBY) divulga uma mensagem associada ao Dia Internacional do Livro Infantil, sendo a deste ano assinada pela escritora Marwa Al Agroubi, dos Emirados Árabes Unidos.

“Falamos várias línguas e trazemos diferentes experiências. E, no entanto, partilhamos as mesmas histórias”, sejam internacionais, sejam tradicionais. “É sempre a mesma história que nos contam, em diferentes vozes, em diferentes cores, e contudo ela não muda… Princípio, meio e fim”, escreveu a autora.

O Dia Internacional do Livro Infantil é celebrado em todo o mundo desde 1967 e sempre a 2 de abril, coincidindo com o aniversário do nascimento do escritor dinamarquês Hans Christian Andersen, uma das referências da literatura para os mais novos.

Em Portugal, o cartaz oficial do Dia Internacional do Livro Infantil é assinado por António Jorge Gonçalves, distinguido no ano passado com o Prémio Nacional de Ilustração.

Fonte : Lusa