Apanhado com 2,31 de álcool a conduzir autocarro escolar

20150214_07_detector_alcool-300x200O homem de 55 anos foi apanhado com 2,31 gramas de álcool por litro de sangue. O autocarro transportava alunos de várias escolas entre Aveiro e Estarreja.

O condutor de um autocarro escolar foi apanhado, esta terça-feira, a conduzir sob o efeito de álcool. O homem de 55 anos tinha 2,31 gramas de álcool por litro de sangue quando foi intercetado pela GNR, em Estarreja, Aveiro.

Foram, aliás, alguns estudantes e encarregados de educação quem alertou as autoridades para o facto de o motorista estar visivelmente embriagado, de acordo com o Jornal de Notícias.

Quando entraram no autocarro que os transporta diariamente entre casa e a escola, os alunos de várias escolas de Aveiro aperceberam-se de imediato que o condutor estava alcoolizado. Os sinais eram evidentes.

Pegaram nos telemóveis para alertar a GNR e os pais, fazendo com que as queixas chegassem em série e com que uma patrulha se deslocasse ao encontro do autocarro.

Por volta das 19h30, o motorista foi parado e obrigado a soprar ao balão, acusando uma taxa quase duas vezes superior àquela que é considerada crime, já depois de ter percorrido 30 quilómetros e de ter feito manobras perigosas.

Antecipando-se ao despedimento de que ia ser alvo, já que a empresa para a qual trabalha, a Transdev, diz ter tolerância zero com questões de álcool, apresentou a sua demissão no dia seguinte.

Após der sido ouvido no Tribunal de Estarreja, foi libertado e está a aguardar julgamento.

Fonte : JN