Falta de exercício físico mata mais do que obesidade

20150116_08-300x224Um estudo recente da Universidade de Cambridge, nos Estados Unidos revela a pior das consequências da inatividade: a morte. Afinal, conta a BBC, a falta de exercício físico mata o dobro de pessoas quando comparada com a obesidade.

Não fazer exercício físico ou praticar algum desporto pode ser mais fatal do que se pensa. A conclusão é de um estudo da Universidade de Cambridge, nos Estados Unidos, que revela que a inatividade mata o dobro das pessoas quando comparada com a obesidade.

De acordo com a BBC, que citada o estudo, pelo menos 20 minutos diários de caminhada rápida ou exercício físico são o suficiente para espantar males maiores.

Prova disso são os dados obtidos pelos pesquisadores que ao longo de 12 anos, e num universo de 9,2 milhões de pessoas, registaram 676 mil mortes/ano por causa da inatividade face a 337 mil devido a excesso de peso.

Embora a obesidade e o sedentarismo estejam quase sempre relacionados, este estudo – publicado no American Journal of Clinical Nutrition – alerta para o facto de a inatividade ter um pior impacto nas pessoas consideradas magras.

Fonte : Notícias ao Minuto